Por auxílio-aluguel, grupo fecha Eixão e para área central de Brasília
- Notícias - O melhor do bairro de Asa Sul, Brasília, DF

terça-feira, 14 de julho de 2015
      

Por auxílio-aluguel, grupo fecha Eixão e para área central de Brasília

É a terceira vez que o grupo interrompe o trânsito próximo à Secretaria de Fazenda, próximo de onde estão acampados.

Gustavo Moreno/CB/D.A Press
Cerca de 300 manifestantes do Movimento Resistência Popular pelo Direito à Cidade, dissidentes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), obstruíram, na manhã desta terça-feira (14/7), três vias no Eixinho Norte, no Eixinho Sul e no Eixão, próximo à sede da Secretaria de Fazenda, no Setor Bancário Norte (SBN). Eles atearam fogo a pneus e a galhos de árvores para fechar a pista. O trânsito ficou bloqueado. Motoristas enfrentaram grande congestionamento.
 
Policiais militares e profissionais do Corpo de Bombeiros foram acionados. O Batalhão de Choque (BPChq) da PM precisou intervir. Após cerca de uma hora do início do protesto, as vias foram totalmente desocupadas pelos manifestantes e o trânsito voltou a fluir. No Eixinho Norte ainda há objetos na pista obstruindo duas faixas na direita.
 
É a quarta vez que o grupo interrompe o trânsito próximo ao local. Na última ação, realizada nesta quinta-feira (9/7), 100 manifestantes do movimento fecharam o Eixinho Norte. Em 6 de junho, eles também obstruíram a via por 10 minutos, mas foram retirados pela Polícia Militar. O grupo reivindica, entre outras coisas, a prorrogação do pagamento do auxílio-aluguel. 

Gustavo Moreno/CB/D.A Press

Na quarta-feira passada (1º/7), os manifestantes invadiram o saguão do prédio da Secretaria de Fazenda. Desde então, alguns integrantes do movimento estão acampados próximo ao prédio. De acordo com a PM, são cerca de 50 barracas no local.

FONTE: CORREIO BRAZILIENSE