Prefeitura de Betim divulga decisões tomadas após negociações com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais
- Notícias - O melhor do bairro de REGIONAL CENTRO EM, Betim, MG

segunda-feira, 04 de abril de 2016
      

Prefeitura de Betim divulga decisões tomadas após negociações com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais

Após a terceira reunião de negociação entre a Secretaria Municipal de Saúde e a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), realizada nessa segunda-feira (28), com a participação da Promotoria de Saúde de Betim, da coordenação das Promotorias de Saúde da Região Ampliada Centro e do Conselho Municipal de Saúde de Betim, definiu-se que:

1  a SES-MG vai aportar o valor adicional de R$ 12 milhões/ano, em repasses mensais de R$ 1 milhão, para co-financiar o Hospital Regional de Betim, por meio do programa Pro-HOSP, mediante assinatura de termo de compromisso a ocorrer nos próximos dez dias. Isso significa que, para 2016, o total de repasses, a partir de abril, será de R$ 9 milhões. Os valores anunciados totalizam cerca de 10% do custo da unidade, ainda distante dos 25% de responsabilidade do governo do Estado no co-financiamento do Hospital Regional de Betim. Entretanto, a Prefeitura de Betim reconhece o esforço da SES-MG, dadas às dificuldades financeiras que o Estado também atravessa, e a importância da conquista desse benefício de caráter permanente;

2 - a SES-MG manteve o compromisso de continuar o repasse no total de R$ 5 milhões, em curto prazo, dos quais R$ 3 milhões são recursos em atraso e R$ 2 milhões de aplicação livre para atender demandas emergenciais;

3 ¿ a SES-MG assumiu compromisso de regionalizar o Serviço Móvel de Urgência (Samu) de Betim até julho de 2016, o que reduzirá as despesas municipais com o custeio do serviço;

4 ¿ a Prefeitura de Betim reafirmou o compromisso de permanecer com o atendimento nas 34 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e 85 equipes do programa Estratégia de Saúde da Família;

5 - o município de Betim irá reorganizar a rede de urgência após a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Norte, prevista para ocorrer em junho de 2016;

6 - o município irá integrar a Maternidade Pública, localizada na região do Imbiruçu, à Maternidade do Hospital Regional, concentrando e mantendo o número de atendimentos atualmente realizados nas duas unidades. Ficou acertado que a reorganização será feita após adequações de estrutura, equipe e redefinição do modelo assistencial na maternidade do Hospital Regional para garantir atenção de qualidade. Ao final das adequações, será feita visita técnica pela comissão de acompanhamento.
 

Fonte: www.betim.mg.gov